Lulinha: “Nós somos profissionais”

Roger como é habitual entre os jogadores deseperados insinuou que o Bahia poderia entrar em campo contra o Cruzeiro sem vontade. Acredito que o meia cruzeirense deve ter feito o papel que a torcida espera dele ao criar mais cortina de fumaça a má campanha cruzeirense tentando transferir a culpa para terceiro. Lulinha por isso retruca ao meia campista cruzeirense sobre o profissionalismo entre os jogadores do Bahia. Confira matéria do TERRA

As declarações do meia Roger, do Cruzeiro, sobre um possível relaxamento do Bahia na partida de domingo, contra o Ceará, não caíram bem no elenco do clube baiano. Indignado com a insinuação de que o time poderia entregar o jogo, o atacante Lulinha se revoltou e reafirmou que a equipe entrará em campo para honrar o clube e vencer

A confusão começou após o site oficial do Bahia divulgar uma nota falando que o futebol nordestino deveria ser fortalecido no Brasil. Tal comentário deu a entender que o time comandado por Joel Santana não iria fazer grande esforço para bater o Ceará, que luta contra o rebaixamento e briga com o Cruzeiro para fugir da degola na última rodada da competição.

Ciente da delicada situação que os mineiros se encontram na tabela de classificação e da necessidade de vencer o Atlético-MG para não ser rebaixado, o meia Roger, que atualmente defende o Cruzeiro, chegou a afirmar que “cada um abriria a perna da maneira que gosta”, provocando a revolta dos jogadores baianos.

“Nós somos profissionais e isso a gente deixa para o torcedor. Não temos que se envolver com isso. Temos um compromisso no domingo e vamos jogar como jogamos os 37 jogos atrás. Jamais vai acontecer isso de entregar o jogo”, retrucou Lulinha, que ainda apontou a vontade de jogar a Copa Sul-americana de 2012 como mais um motivo para o Bahia vencer a partida de domingo.

“Temos um objetivo que é a principal meta do ano. Chegar a Sul-Americana para o Bahia vai ser muito importante. Conseguimos a primeira, que era permanecer na Série A e no domingo vamos em busca disso”, completou o atacante.

Com 43 pontos ganhos, o Bahia está na 15ª colocação e além de vencer o seu próximo compromisso, precisa torcer para que o já rebaixado América-MG vença o Atlético-GO, no Serra Dourada, para conseguir a classificação ao torneio continental.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*