Bahia justifica as novas contratações

A reapresentação do Bahia de fato se deu nesta segunda-feira, com a presença de alguns dos catorze novos contratados, inclusive do novo técnico Rogério Lourenço que chegou prometendo vôos altos na temporada de 2011. Ainda na apresentação, o gestor de Futebol, Paulo Angione, justificou ao Site da Metrópole, a política das contratações de jovens iniciantes. Confira

Dos 14 contratados pelo Bahia para a temporada 2011, 12 tem menos de 22 anos. Durante a apresentação do elenco no Hotel Catussaba, o diretor de futebol do clube, Paulo Angioni, responsável por essa política de investir em jovens talentos, reafirmou que não preocupa.

“O futebol é muito precoce. Eu acredito na juventude, até pelo mercado externo. Se ele [o mercado] acredita nos jovens, por que eu não vou acreditar nos jovens?” questionou.

O diretor ainda atentou para outro fato. A baixa idade dos jogadores poderá ser um fator preponderante para evitar lesões e viver uma vida desregrada. “A juventude não determina o insucesso e sim o contrário. Trouxemos jovens extremamente promissores”, afirmou.

Coroas

Os outros dois contratados acima dos 22 anos foram Souza (28) e Tiago (27). O goleiro, contratado junto ao Vasco da Gama também não liga para a idade dos outros contratados. “O grupo é jovem, mas vamos correr muito para conquistar os objetivos. E eu ainda sou menino, tenho apenas 27 anos, diferente do Nen, que já tem 32”, brincou Tiago.

Veja também

“Todos os clubes em que passei, fui campeão”, declarou o atacante Souza

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*