BAHIA VOLTA A VIVER BOA FASE

Há algum tempo, o Bahia não tinha um aproveitamento tão bom no primeiro semestre, nem mesmo em 2007, quando viria a disputar a série C, último ano em que o time apresentou um aproveitamento louvável, com consequências concretas, significando o seu retorno à série B do Brasileirão.

Este ano, o tricolor procurou manter a mesma base do time que disputou a série B 2009, e apostou na contratação de alguns reforços para melhorar o seu rendimento. O resultado, até o momento, se traduz em um aproveitamento de 70,4%, com o tricolor conquistando 57 pontos, dos 81 disputados nas partidas oficiais. Foram 17 vitórias, 6 empates e apenas 4 derrotas.

Quando a fase é boa, os destaques aparecem. Além da melhora do nível técnico do futebol de Ávine, como já apresentado aqui neste blog, e o amadurecimento do futebol do meia Ananias, outro jogador que vem sendo admirado pela torcida é o Rodrigo Grahl. O atacante foi um dos jogadores contratados esse ano e já marcou 12 gols na temporada. Grahl está sendo visto pela torcida como um jogador que encarna a camisa tricolor. E não é para menos, pois já virou marca registrada a vibração que ele apresenta, mostrando uma pequena bandeira tricolor, para as câmeras, toda vez que marca um gol.

Nos bastidores, outro indivíduo que merece destaque é o gestor de futebol Paulo Angione. Indiscutivelmente, o nível das contratações apresentadas pelo Bahia neste início de campeonato brasileiro já é melhor que o apresentado no ano de 2009, quando aliás, o Bahia demorou para contratar e, quando jogadores como Jael e Nadson chegaram, já era muito tarde para o time tentar uma vaga na série A, se limitando a escapar do rebaixamento para a série C.

A partir das contratações de Morais e Jael, a tendência é que a qualidade do futebol apresentado pelo Bahia melhore e o time consiga manter um bom aproveitamento. Segundo Angione, novos reforços chegarão, e com isso aumentam as esperanças da torcida, principalmente depois das duas vitórias consecutivas iniciais, contra os times de América-RN e Ipatinga-MG.

A promessa é que o Bahia ganhe ainda mais um reforço, que virá das arquibancadas, já nesta sexta-feira, às 21 horas, no confronto contra a difícil Ponte Preta. Uma terceira vitória pode embalar o time de vez, confirmando a boa fase. A continuar o bom aproveitamento, não há dúvidas de que o Bahia voltará para a série A do Brasileirão de 2011, lugar de onde nem deveria ter saído, pela sua grandeza.

Vinicius Sampaio – Você pode ler também, esses e outros artigos sobre o Bahia aqui

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*