Bahia empata e é finalista do Baianão 2010

foto do zagueiro Wagner, ECBAHIASem nenhum assalto de arbitragem ou qualquer sobressalto com o adversário, o clássico cercado de alguma expectativa, entre os Bahia (s), acabou e deu Bahia, aquele que é Campeão brasileiro, para alegria da hoje enxugada torcida tricolor. Resultado final. Bahia 1 x 1 Bahia de Feira. Gol do zagueiro Wagner (foto) ainda no primeiro para tricolor e João Neto de pênalti deixou tudo igual no final do jogo. Com este resultado o tricolor de aço é o primeiro finalista do campeonato baiano de 2010.

Esquisito foi presença de público em Pituaçu, apenas 12 mil torcedores pagantes, compareceram nesta tarde, ao estádio de Pituaçu, para prestigiar a classificação tricolor. Confira o que aconteceu em Pituaçu em matéria do Correio.

Apesar da expectativa para ser o time vitorioso, o Bahia enfraqueceu no segundo tempo e deu brecha para o xará de Feira conseguir um pênalti e ficar no empate. Em um jogo truncado, de muitos cartões amarelos e um bate-boca protagonizado pelo técnico Renato Gaúcho e policiais militares na porta do vestiário, o jogo garantiu a presença do tricolor de Salvador na decisão da final Estadual.

O Bahia de Feira começou bem. Aos seis minutos falta. Jacson mirou para dentro da rede, mas foi no cantinho e Fernando salvou o tricolor de Renato. Quatro minutos depois o zagueiro do Bahia de Feira chega junto e afasta jogador rival pela linha de fundo, marcando o Bahia que quase marcou primeiro gol da partida com jogada do Marcone.

Nos primeiros 14 minutos de jogo o Esquadrão de Aço começou a dominar o jogo. Tanto que 16 minutos depois, foi bola na rede para o Bahia. Ávine cruzou para Nen, que mandou bola na trave, mas o zagueiro Vágner estava com caminho livre e marcou, colocando o Bahia no caminho da final.

Durante o intervalo do primeiro tempo da partida, o técnico Renato Gaúcho e o jogador João Marcelo foram agredidos por policiais militares na porta do vestiário do estádio. O motivo teria sido um desentendimento com o trio de arbitragem.

De volta ao campo, aos 16 minutos, Jacson por pouco marca. A bola passou de esquerda pertinho da rede de Fernando. No minuto seguinte, Marcone cruza de direita para Ananias que cabeceia fraco,perdendo chance de balançar a rede. Aos 24 do segundo tempo, Edilson, o Capetinha perde uma grande oportunidade. Rogerinho passa para Ananias que manda para o jogador que na cara do gol chuta para fora.

Já no final do jogo, quando parecia que nada de interessante poderia acontecer, Jacson é derrubado dentro da área e é pênalti, e aos 47 minutos, João Neto manda no cantinho e empata o jogo para o Bahia de Feira. Ainda assim, o Bahia de Salvador vai para a final do Campeonato Baiano. A outra vaga está sendo decidida na partida entre Vitória e Camaçari, no Barradão.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*