Vitória bate Portuguesa e entra no G-4

Por alguns décimos de segundo, o Vitória não quebra um recorde na tarde deste domingo, na vitória por 2 a 1 sobre a Portuguesa, em pleno Estádio do Canindé, em partida válida pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

A vitória dos visitantes rubro-negros começou a ser desenhada aos 9seg de jogo. Após saída de bola errada do meio-campo da Portuguesa, Preto tenta concertar e entrega um presente para o experiente Ramon, que parte em velocidade, dribla a zaga com facilidade e entrega nos pés de Dinei, que só tem o trabalho de completar às redes.

Por muito pouco o lance não supera o gol marcado por Nivaldo aos 8seg, no dia 18 de outubro de 1989, na vitória do Náutico sobre o Atlético-MG por 3 a 2, no Estádio dos Aflitos, o gol mais rápido da história do Campeonato Brasileiro.

Curiosamente, o gol acontece novamente no Canindé, palco da histórica goleada em 5 a 5 do clube rubro-verde com o Figueirense na primeira rodada deste Brasileiro, em uma das partidas com maios número de gols marcados na competição.

Abatida por sofrer um gol com menos de 10seg, a Portuguesa esteve atônita em campo. E justamente o melhor setor da equipe, a defesa, acumulava falhas que se bem aproveitados pelo ataque dos visitantes, certamente complicariam ainda mais a vida dos paulistas.

Se a defesa dava problemas, a equipe rubro-verde não conseguia criar. E aí foi só o Vitória tocar a bola para definir as coisas ainda no primeiro tempo. Aos 16min, Marquinhos apostou novamente na jogada individual e lançou para Ramón. O experiente atleta, um dos melhores em campo, dominou com calma, tirou a marcação de Bruno Rodrigo e finalizou sem chances de defesa para André Luís.

Na etapa final, a Portuguesa cresceu de produção, mas conseguiu apenas marcar o seu gol de honra. Aos 29min, Patrício achou Vaguinho e fez o passe em posição duvidosa. O atacante dominou e finalizou no ângulo do goleiro Viáfara.

Foi o quinto êxito consecutivo do Vitória, que não conhece uma derrota desde a quarta rodada, no último dia 1º de junho, quando caiu por 2 a 0 para o Ipatinga, no interior mineiro. A arrancada deixa os baianos temporiaramente na quarta colocação, com 17 pontos, mesmo número de Grêmio e Cruzeiro, mas em desvantagem nos critérios de desempate. Além disso, os gaúchos ainda entrarão em campo neste domingo.

A Portuguesa, que vinha de um empate sem gols com o santos, também no Canindé, cai para a 11ª colocação, com 12 pontos. A equipe tentará a reabilitação diante do Coritiba, nesta quarta-feira, no Couto Pereira. O Vitória, no mesmo dia, recebe o Botafogo no Barradão.Confira os jogos da série AFigueirense 2 x 1 Vasco
Internacional 3 x 0 CoritibaAtlético-MG 1 x 1 PalmeiraBotafogo 2 x 0 GrêmioGoiás 1 x 0 Fluminense
São Paulo 1 x 1 Ipatinga

Deixe seu comentário

3 Trackbacks / Pingbacks

  1. best way to learn
  2. carpet cleaning near rickmansworth
  3. Terry Healy Group Ltd

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*