Rubro-negro encara Ipatinga de olho no topo

Em busca da auto-afirmação na Série A. Depois de empatar por 0x0 com o Sport, na Ilha do Retiro, e golear o Figueirense, no Barradão, por 4×0, o Vitória tenta o primeiro triunfo fora de casa contra o Ipatinga, hoje, às 16h, no Ipatingão, quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Com trajetórias quase parecidas, baianos e mineiros se confrontam pela quinta vez, a primeira na elite do futebol nacional. Iguais na história dos confrontos, com dois triunfos cada, o Tigre e o Leão fazem um tira-teima esta tarde.

O Vitória enfrenta o Ipatinga de olho nas quatro primeiras posições. Em caso de triunfo, o rubro-negro pode chegar pela primeira vez ao G-4. O adversário ainda não ganhou no Brasileiro e, portanto, vai fazer de tudo para conseguir os três pontos.

Nos jogos em casa o Ipatinga tem levado a melhor. Na Série C, o técnico rubro-negro era Mauro Fernandes: 2×1 para os mineiros. Na Série B do ano passado, sob o comando de Marco Aurélio, nova derrota rubro-negra no Vale do Aço: 1×0.

O técnico Vágner Mancini prevê dificuldades. “Eles ainda não ganharam e, por isso, vão fazer de tudo nesse jogo. Vamos tentar surpreender o Ipatinga com a nossa arma que foi muito poderosa no jogo passado: a velocidade. Pelo fato de precisar vencer, o time do Ipatinga pode ser até inconseqüente e atacar de maneira desordenada. O princípio básico de nossa equipe será a marcação forte”.

Vanderson é o único remanescente do atual time do Vitória que participou dos quatro jogos. Ontem, em Ipatinga, o pitbull comentou com os companheiros que é muito difícil jogar no reduto adversário, mas mantém a confiança no triunfo. “Tabu é para ser quebrado e a nossa equipe está num bom momento. Vamos buscar os três pontos”. Informações do Correio da Bahia – Foto Agência A Tarde

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*