Ramon e Rodrigão continuam na reserva

Ramon Menezes e Rodrigão vão continuar aguardando oportunidade para voltar a ser titulares no Vitória. Quem apostava nos dois principais destaques no Baiano no jogo contra o Santos, domingo, no Barradão, cujo horário foi mudado para as 18h20, perdeu. O time não repetiu contra o Ipatinga a atuação na goleada sobre o Figueirense, no entanto Vágner Mancini deixou transparecer que apenas substituirá os suspensos Leonardo Silva e Vanderson.

Por sinal, os dois expulsos e o zagueiro Anderson Martins, muito contestado, foram os três a merecer elogios do técnico, quatro dias após a derrota rubro-negra por 2×0. “Se fosse o caso de mudar, somente os três permaneceriam. Mas não farei isso. O Vitória não atuou bem, mas os jogadores se doaram em campo. É isso que quero e cobro deles. Sempre digo que é o jogador que se escala, e não eu”, comentou.

Wallace, na defesa, e Marco Antônio, no meio-de-campo, serão os eventuais substitutos de Leonardo Silva e Vanderson, respectivamente. Por ser mais “rodado” do que Victor Ramos, recém-saído dos juniores, Wallace está confirmado no time. Mancini está mais para optar pela melhor saída da bola com Marco Antônio do que pelo estilo defensivo de Ramirez. Ele descartou escalar Carlos Alberto no lugar de Marco Aurélio e garantiu Marquinhos e Dinei no ataque.

Leandro Domingues só deverá ser utilizado a partir da partida contra o Coritiba. Jackson não treinou ontem e somente deverá voltar amanhã às atividades. Segundo o diretor-médico Ivan Carilo, ele está sendo poupado e terá condições de enfrentar o Santos. Muriqui, também com um cansaço muscular, fio outro desfalque.

Exxel – O presidente da S/A, Jorginho Sampaio, revelou ontem que o Vitória fez novo acordo com o Exxel Group, da Argentina, sobre a recompra das ações. Em vez pagar US$1 mi-lhão este ano por conta dos US$3,5 milhões (R$5,7 milhões) devidos, o EC Vitória terá que pagar US$500 mil (R$815 mil). O acerto foi feito entre o presidente do EC Vitória, Alexi Portela Júnior, e o advogado Antonio Carlos “Cacau” Rodrigues, que estiveram no último fim da semana em Buenos Aires. Informações do Correio da Bahia Com novo treinador, Santos busca reabilitação no Barradão
A principal atração do Santos no jogo deste domingo, contra o Vitória, no Barradão, é a estréia do técnico Cuca no comando da equipe. O ex-treinador do Botafogo será apresentado ao time hoje e vai comandar o Santos pela primeira vez no Barradão.

Ao contrário da atitude do ex-treinador Emerson Leão, Cuca chega com um discurso de que, antes de exigir à diretoria novas contratações, vai analisar tudo o que tem à sua disposição, inclusive a divisão de base da equipe. Segundo o atacante Lima, este tipo de atitude dá ânimo aos jogadores que não vinham jogando enquanto Leão era o treinador.

Mas, se depender do retrospecto do Santos este ano fora de casa, Cuca não fará uma boa estréia contra o Vitória. Pelo Campeonato Brasileiro, o time jogou duas vezes fora de casa e perdeu as duas: a primeira para o Flamengo, por 3 a 1, e a segunda para o Cruzeiro, por 4 a 0.

Desde o começo do ano, foram 16 partidas, com dez derrotas, três empates e somente três vitórias.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*