Vitória pode ficar sem Marcelo Batatais esta tarde

No início do quadrangular decisivo do Campeonato Baiano, uma situação de expectativa para o técnico Vágner Mancini que pode ficar sem Marcelo Batatais na partida das 16h, contra o Itabuna, no Estádio Luís Viana Filho. O zagueiro mais regular do Vitória sentiu a coxa direita durante o rachão de ontem, pela manhã, no CT do Barradão. O jogador, no entanto, seguiu com a delegação que está desde a tarde em Itabuna e passa a depender da avaliação que será feita hoje pelo médico Marcos Baqueiro momentos antes do grupo seguir para o estádio. Se o titular não puder atuar, Wallace, único zagueiro reserva relacionado pelo treinador, será o substituto.

O tradicional rachão de véspera de jogo acontece em quase todos os clubes. É raro o treinador que é contrário a esse tipo de recreação. Vágner Mancini não é diferente. Ele não só se diverte com as discussões entre os jogadores como também dá uma de árbitro. Mas o que aconteceu com Marcelo Batatais foi apenas uma fatalidade, porque o zagueiro reclamou da coxa quando esticou demais a perna. Deixou logo o campo e foi atendido pelo médico de plantão, Rodrigo Vasco da Gama. “O atleta está medicado, vai fazer tratamento intensivo com o massagista Régis e agora é só esperar e torcer para que ele tenha plenas condições de atuar contra o Itabuna”, disse o médico.

Rodrigo Vasco da Gama vetou da viagem os meias/atacantes Michel e Marquinhos. No dia anterior, Michel sofreu um traumatismo no joelho esquerdo, não se recuperou e, por isso, foi vetado da viagem. Marquinhos amanheceu com conjuntivite e também não acompanhou os companheiros ao interior. Ramirez e Marcelo foram convocados de última hora, enquanto Caíque já estava relacionado.

Vágner Mancini viajou com uma dúvida, no ataque. Ele não adiantou se vai escalar somente Rodrigão na frente ou o centroavante formará a dupla ofensiva com Diego Silva. Com Rodrigão e Diego Silva juntos, confirma-se a saída de Bida. Na defesa e no meio-de-campo, estão definidas as alterações processadas desde o coletivo de sexta-feira. O novato Marco Aurélio, contratado há três dias ao Paulista, de Jundiaí, estreará pela lateral-direita.

Na outra extremidade da defesa, o cearense Fernando, que atuou em 2003 nas divisões de base do Bahia quando o técnico era Valnei e no início deste ano foi contratado ao Internacional, de Porto Alegre, será improvisado, pela lateral-esquerda, no lugar de Gustavo. No meio-de-campo, Marco Antonio ganha a vaga de titular, depois do bom futebol mostrado quando o time reserva empatou com o Feirense, em 4×4, e ele marcou dois gols.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*