Bode sonha com o título

Líder isolado do Campeonato Baiano, é claro que a torcida do Vitória da Conquista é só alegria. Nas ruas da cidade, é visível o bom humor e o contentamento dos torcedores alviverdes com o Bode na liderança.

Para uns, a colocação do time é uma surpresa, mas para outros é considerado algo bastante natural. O estudante Marcos Alves de Oliveira, 21 anos, freqüentador assíduo do Lomantão, disse que o time vem demonstrando uma boa capacidade técnica desde o início.

“O lance é que alguns torcedores só vão para o estádio em jogos contra times grandes, como Bahia e Vitória, e depois ficam criticando sem saber”, criticou Marcos.

Para ele, a torcida do Bode que vai aos jogos não tem o que reclamar. “Todos que vão lá sabem como o time está jogando. Ver este time dá gosto”.

Cético em um primeiro momento e, agora, surpreso com a boa campanha do alviverde, o comerciante Ramon Lopes, 32 anos, confessou que esperava pouco do clube e que, agora, dá para acreditar até no título.

“No começo, eu nem acompanhava o time direito. Só ficava ouvindo pelo rádio. Depois que passei a acompanhar mais de perto esse time, vi que é bom mesmo e me surpeendi”, contou Ramon Lopes.

PATROCÍNIOS – Para pagar a folha geral, de cerca de R$ 70 mil mensais, o Vitória da Conquista conta com o patrocínio de algumas empresas, como Sabão Teiú, Cabral e Sousa, Salutaris, Fraudas Sapeca, dentre outras.

O clube não quis fornecer outros valores gastos para a sua manutenção, quanto gasta com seus funcionários e de quanto seria a verba recebida de seus patrocinadores, além de não detalhar quanto recebe mensalmente cada um de seus jogadores.

O time conta com uma sede provisória, onde deve ficar alojado até 2010.

Caso continue brilhando dentro de campo, surpreendendo equipes consideradas favoritas, tem tudo para igular o feito do Colo-Colo em 2006.
Veja também
Trabalho social serviu de origem
Que os jogadores não fiquem de sapato alto
Bode no topo
Júnior Patente
[email protected]




Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*