Obras do Estádio de Pituaçu seguem dentro do prazo

Com conclusão prevista para junho as obras do estádio de Pituaçu estão sendo realizadas de acordo com o organograma estabelecido para que ele possa abrigar os jogos da série B do Campeonato Brasileiro de Futebol. O projeto inicial tem sofrido algumas alterações no decorrer dos trabalhos. A capacidade, cuja previsão era de 34 mil lugares, deverá ficar em torno de 32 mil.

Ao todo são cinco empresas trabalhando sob a coordenação da Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder). Cada uma fica responsável por uma parte da obra que envolve além da estrutura principal, intervenções no sistema viário, entorno e rede elétrica na área.

“Vamos ter essa redução no número de assentos para garantir a segurança e conforto do torcedor. Tudo aqui está sendo feito de acordo com o estatuto do torcedor e também respeitando toda a reserva ambiental em que o estádio está inserido”, disse a presidente da Conder, Maria Del Carmem, que visitou hoje (23) as obras na companhia de outros membros do governo.

O Estádio de Pituaçu, inaugurado em 1979, tinha capacidade para 13 mil torcedores. Sua estrutura estava bastante desgastada e sem manutenção apresentando ferragens corroídas, desgaste no concreto, desnível nas arquibancadas e problemas nas placas de contenção.

Para adequar o estádio e aumentar sua capacidade para receber jogos de grande porte o Governo do Estado está investindo R$ 22 milhões. A área em torno também vai ser preparada para receber um fluxo maior de pessoas. A avenida Pinto de Aguiar, que dá acesso ao estádio, vai ser duplicada desde a saída da Paralela até a Universidade Católica.

Os torcedores vão estacionar os carros no Centro Administrativo da Bahia (Cab) e vão ter acesso ao estádio através de passarelas. Na Avenida Otávio Mangabeira (orla) também haverá vias de acesso. “O estatuto do torcedor estabelece uma distância máxima de quatro quilômetros entre o estacionamento e o local do jogo. A previsão é de que a passarela de acesso ao estádio, saindo do Cab, tenha dois quilômetros”, disse a presidente da Conder.

A grama do estádio deve começar a ser plantada essa semana. A tribuna de honra e imprensa permanecem no mesmo local e passa a abrigar o espaço destinado a portadores de necessidades especiais.Jornal da Mídia

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*