Darci fecha o gol, e Vitória é derrotado pelo Bahia

O Bahia venceu o Vitória por 2 a 0 neste domingo, no Barradão, e disparou na liderança do Campeonato Baiano. Darci fechou o gol, e Didi e Alias marcaram os gols da vitória tricolor, apenas a quinta no estádio rubro-negro em toda a história do clássico.

A equipe tricolor abriu quatro pontos no Estadual e na próxima rodada enfrenta o Poções, na quarta-feira, fora de casa. Já o Vitória, segundo com 19, encara o Itabuna, também fora, somente no domingo, já que no meio de semana estréia na Copa do Brasil.

A mil por hora

O clássico começou eletrizante. O Bahia tratou de colocar fogo no jogo ao abrir o placar aos seis minutos. Em cobrança de falta, Elias rolou para Alison, que bateu para a área. Didi aproveitou e de cabeça mandou para o gol. Jogando em casa, o Leão não quis ficar para trás. E espremeu o Tricolor no campo de defesa. Com dez de jogo, Bida cruzou, Gustavo subiu e cabeceou forte. Darci fez boa defesa. Na seqüência, o ex-atacante do Bahia Moré ajeitou para Bida. O meia chutou forte, mas em cima da marcação. A pressão continuou com Marquinhos chutando da entrada da área, aos 12, para nova defesa de Darci. Depois de um início forte, as equipes se acalmaram. O jogo seguiu equilibrado, e foi de Elias o último bom lance da primeira metade. O meia recebeu de Reinaldo Aleluia e finalizou de fora da área, assustando o goleiro França.

A etapa final começou como a primeira: com muito equilíbrio. Reinaldo Aleluia mandou à esquerda do gol aos seis minutos. Marquinhos ergueu na área e Marcelo Silva empatou, dando a resposta pelo lado rubro-negro. No entanto, o árbitro Manoel Nunes Lopo Garrido marcou falta em cima do goleiro França.

Darci segura todas; Elias fecha o placar

O goleiro Darci seguiu em tarde inspirada. Com 15 de jogo, ele defendeu chute de Marquinhos de fora da área. Quatro minutos depois, Elias cruzou, Cléber Carioca cabeceou e carimbou o travessão de França.

A alternância no ataque era a tônica da etapa final. Era lá e cá mesmo. A equipe tricolor perdeu boa chance de amplicar com Didi, aos 23, mas o atacante se atrapalhou na frente de França. Dois minutos depois, Gustavo bateu falta e novamente Darci salvou o Tricolor. O Bahia ainda carimbou novamente a trave. Em contra-ataque puxado por Pantico, ele entrou na área e bateu no poste.
Para fechar, Darci acabou com as chances do Vitória no último minuto do tempo regulamentar. Ele fez mais uma defesa, desta vez em cabeçada de Silvinho. E nos acréscimos, Elias aproveitou jogada de Pantico e empurrou para a rede: 2 a 0.

Ficha do jogo

VITÓRIA 0 x 2 BAHIA
França
Alex Santos (Williams)
Anderson Martins
Marcelo Batatais
Gustavo
Ramirez (Michel)
Marcelo Silva (Silvinho)
Bida
Jackson
Elcimar
Moré
T: Oswaldo Alvarez
Darci
Luciano Baiano
Alison
Cléber Carioca
Daniel
Fausto
Rogério
Emerson Cris (Rivaldo)
Elias
Reinaldo Aleluia (Pantico)
Didi (Anderson Costa)
T: Paulo Comelli
Gols: Didi, aos seis minutos do primeiro tempo; Elias, aos 48 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Marcelo Batatais, Jackson, Ramirez, França (Vitória), Rogério, Daniel, Elias, Fausto (Bahia)
Árbitro: Manoel Nunes Lopo Garrido
Auxiliares: Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Belmiro da Silva
Data: 10/02/2008
Estádio: Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA)
Público: 21.211 pagantes
Renda: R$ 256.617,50

G1

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*