Inoportunidade e intolerância

Circula em alguns sites um vídeo supostamente gravado ontem, antes ou durante o jogo Bahia 3 x 1 na Fonte Nova. O vídeo não esclarece muita coisa, mas dá para entender que se tratava de um protesto de alguns torcedores do Bahia que, através de faixa ou faixas, protestavam contra os dirigentes do clube; porém, alguém que se apresentou como policial e que ali estaria cumprindo ordem explícita para a remoção ou apreensão do que seria o objeto do protesto, impediu que os torcedores se expressassem.

Claro que protestar é um direito sagrado e, quanto ao fato isoladamente, não tenho qualquer ressalva, afinal até a elite brasileira protesta alegando um certo cansaço, porque os torcedores do Bahia, não podem? Claro, podem sim, é legítimo.

O que me chama atenção no episódio é a inoportunidade do protesto, de um lado, e a intolerância do outro, afinal, o Bahia acabou de ultrapassar mais uma fase na série C produzindo euforia até naqueles mais pessimistas. Então fico cá a pensar com meus canários belgas, não seria o momento de uma trégua? Ou uma simples pausa? Senão para unir forças, ao menos para não atrapalhar?

A ser verdade que foi determinação de alguém do Bahia a remoção das tais faixas, volto a pensar, onde se justifica tamanha intolerância, para não dizer truculência contra um protesto silencioso, inofensivo e sobretudo legítimo e garantido até por leis?

É difícil entender, é complicado saber o que é, realmente, ser torcedor do Bahia.

– Link para o video. www.portalesportivo.com.br

– Http://br.youtube.com/watch?v=cnOPiH1b9Gs

Deixe seu comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. 더킹카지노
  2. 출장안마

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*