Bahia embarcou para o Amazonas sem Preto

O Bahia embarcou para o Amazonas no final da tarde de ontem pronto para a partida das 17h (horário da Bahia) de amanhã, na cidade de Itacoatiara – distante 177km da capital Manaus. O confronto contra o Fast Clube será o primeiro dos seis programados para a terceira fase da Série C do Campeonato Brasileiro.

Preto Poupado.

Cotado para estréia imediata, Preto sequer seguiu com o grupo em vôo de seis horas até a capital amazonense. Acusou dores musculares. “Estava parado há cinco meses e treinei apenas cinco dias. O corpo sente mesmo. Já estava decidido que eu não sairia jogando. Dei meu parecer e a comissão técnica achou melhor me poupar”, assegurou.

O corte estica o período preparatório para 15 dias. Afastado da maratona de viagens até Itacoatiara, o meia poderá aprimorar o físico no feriado prolongado do Sete de Setembro. E abre espaço para Inho manter posto ao lado de Cléber no meio-campo tricolor. Os dois treinaram juntos durante toda a semana e serão os responsáveis por fazer o jogo “andar” no acanhado Estádio Floro de Mendonça.

O campo mede 105mx68m contra os 110mx75m da Fonte Nova, e o presidente Sérgio Albuquerque não se incomoda em afirmar que sua equipe usará as dimensões reduzidas do gramado como arma contra o Bahia. “A idéia é trazer o time para um campo menor, onde as dificuldades de penetração na nossa zaga serão maiores”. Arturzinho conhece bem a estratégia. O time enfrentou o Linhares no Estádio Joaquim Calmon, interior do Espírito Santo, e suou para arrancar empate por 1×1.

Modus operandi

Ainda assim, o treinador não admite mudar o padrão de jogo. O eficiente Bahia das duas primeiras fases repete o modus operandi que lhe garantiu nove vitórias, dois empates e uma única derrota nesta terceirona. Arturzinho promove apenas o retorno dos habituais titulares Márcio, Alison e Cléber – de fora da vitória por 3×1 sobre o Atlético-PB, domingo passado, na Fonte Nova.

O coletivo da manhã de ontem não fez mais que confirmar a equipe escalada durante toda a semana: Márcio, Carlos Alberto, Alison, Eduardo e Adilson; Fausto, Emerson Cris, Inho e Cléber; Charles e Nonato. Apesar de recuperado, o atacante Moré ocupa mesmo o banco de reservas, assim como o goleiro Sérgio, o zagueiro Cléber Carioca, os volantes Humberto e Marcone, o meia Elias e o atacante Neto Potiguar.

Distrado

O Bahia resolveu se pronunciar sobre a venda de Danilo Rios. Os dirigentes informaram que o clube recebeu 50% do valor acordado por 100% dos direitos econômicos e federativos do jogador, e o garoto foi liberado para realizar exames médicos no Grêmio. Aprovado nos testes físicos aplicados no Olímpico, na última quarta-feira, Danilo retorna a Salvador na próxima segunda para finalmente assinar o distrato com o tricolor.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*